Acesso a Informação

Parceiros e Órgãos

Telefones úteis

Mídias SDA

Comitê da Seca debate quadra invernosa e situação hídrica
Seg, 11 de Junho de 2018 13:16

Veranico no mês de março atrapalhou o resultado favorável ao agricultor familiar. Açude Gavião opera com 83,5% da sua capacidade, seguido do açude Riachão com 54,4%

Sob a presidência do secretário-executivo da Secretaria do Desenvolvimento Agrário do Ceará (SDA), José Leite Cruz, a reunião do Comitê Integrado de Convivência com a Seca reuniu na manhã desta segunda-feira (11) representantes de 16 instituições públicos da capital e do interior. O balanço do quadro de chuva e os primeiros prognósticos para o próximo ano, além da situação hídrica dos açudes da Região Metropolitana estiveram no centro das discussões no auditório do Corpo de Bombeiros em Fortaleza.

Segundo informações repassadas pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) ao comitê, as chuvas no estado ficaram 3,5% abaixo da média, porcentagem considerada pequena e que classifica a quadra invernosa de 2018 como em torno da média história. De acordo com meteorologista e supervisor da Unidade de Tempo e Clima, Raul Fritz, "não fosse o forte veranico (período com ausência de precipitação durante a estação chuvosa acompanhada de um calor intenso), registrado no mês de março, certamente teríamos superado a média histórica".

Conforme a Funceme, até o momento, a região que mais choveu foi o Litoral Norte com precipitações 13% acima da média, seguido do Cariri (8%) e Vale do Jaguaribe (4%). "Foi importante esse volume de chuvas porque boa parte das águas se dirigiram ao rio Salgado e, por sua vez, ao rio Jaguaribe garantindo o abastecimento daquela região", destacou ainda Raul Fritz. 

Participaram da reunião o delegado da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (DFDA/Sead), Rosilônio Magalhães, o assistente da presidência da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ematerce), Bartolomeu Cavalcante, o representante da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), Erisberg Albuquerque, e representantes da Associação dos Municípios do Ceará (Aprece), Coordenadoria Estadual de Defesa Civil do Ceará (CEDEC), Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), do Corpo de Bombeiros e do Programa Água para Todos, Luiz Regadas. A prefeita de Boa Viagem, Aline Vieira, o vice-prefeito de Solonópole, Raimundo Arilo Pinheiro, os secretários de agricultura Luan Praciano (Irauçuba) e Francisco Barroso Júnior (Apuiarés) e o secretário de segurança pública de Canindé, Luciano Wagner, também participaram do encontro.  

Situação hídrica

Ao comitê, da Assessoria de Suporte as Unidades de Negócio do Interior - ASSIN e da Diretoria das Unidades de Negócio do Interior - DNI da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), Erisberg Albuquerque destacou o volume de 49,2% do volume dos reservatórios da Região Metropolitana. Responsável direto pelo abastecimento de Itaitinga e Pacatuba, o Gavião dispõe de 83,5% da sua capacidade, seguido do Riachão com 54,4%. O reservatório Pacoti registra 48,2% do seu volume garantindo segurança aos  municípios de de Horizonte, Pacajus e Chorozinho. Hoje o Pacajus tem 44,9% de acordo com os dados da Cagece.  Na reunião da próxima segunda-feira (18), a Cagece levará ao comitê explicações sobre a política de reúso da água e o projeto desenvolvido no distrito de Flores, em Russas, sobre ações de medição com vistas à redução de perdas por meio da tarifa de contingência.

Assessoria de Comunicação Secretaria do Desenvolvimento Agrário
Erivelton Celedônio -  Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.
André Gurjão-  Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

 

Calendário

Junho 2018
D 2a 3a 4a 5a 6a S
27 28 29 30 31 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30