Análise de sementes

 

O Laboratório de Análise de Sementes de Produção (LASP), parte integrante do Núcleo de Classificação Vegetal, Laboratórios, Sementes e Mudas (NUCLA) da Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA) está credenciado pelo Ministério da Agricultura através do RENASEM Nº CE00090/2006, conforme requisitos da norma NBR ISO 17.025:2005, para realizar análises de sementes de arroz, algodão, feijão caupi, feijão, gergelim, girassol, mamona, milho, soja e sorgo, fazendo parte da rede nacional de laboratórios agropecuários do MAPA.

 

Análises realizadas

• Análise de pureza;

• Determinação de outras sementes por número;

• Teste de germinação;

• Exame de sementes infestadas (milho, feijão caupi e feijão);

• Verificação de outras cultivares;

• Outras análises, de acordo com a necessidade do cliente, obedecendo a metodologia específica.

 

Orientações para Coleta de Amostras para Análise de Sementes

A amostragem de sementes tem como objetivo obter uma amostra de tamanho adequado para os testes, na qual estejam presentes os mesmos componentes do lote de sementes e em proporções semelhantes. A quantidade de sementes analisada é, em geral, muito pequena em relação ao tamanho do lote que representa. Para se obter resultados uniformes e precisos em análise de sementes, é essencial que as amostras sejam tomadas com todo cuidado e em conformidade com os métodos estabelecidos nas Regras para Análise de Sementes (RAS).

 

A amostra que será remetida ao Laboratório deve conter o peso mínimo exigido pela legislação. Para as espécies analisadas pelo Lasp, os pesos mínimos estão descritos abaixo:

• Algodão (Gossypium spp. / Gossypium hirsutum L.) – 1.000g

• Arroz (Oryza Sativa L.) – 1.400g

• Feijão (Phaseolus vulgaris L.) – 1.000g

• Feijão caupi (Vigna unguiculata L.) – 1.000g

• Gergelim (Sesamum indicum L.) – 70g

• Girassol (Helianthus annuus L.) – 1.000g

• Mamona (Ricinus communis L.) – 1.000g

• Milho (Zea mays L.) – 1.000g

• Soja (Glycine max L.) – 1.000g

• Sorgo (Sorghum bicolor (L.) Moench) – 900g

• Sorgo (Sorghum bicolor (L.) Moench x Sorghum sudanense (Piper) Stapf) – 500g

 

 

Solicitação de serviço para Análise de Sementes

A amostra para fins de análise deve ser acompanhada pelo Termo de Coleta de Amostra e coletada por pessoa física credenciada pelo MAPA para execução de amostragem. Essa amostra deve ser remetida ao Laboratório acondicionada em embalagem apropriada, lacrada, devidamente identificada e conter o peso mínimo exigido.

 

De acordo com Sistema de Gestão da Qualidade do NUCLA, o interessado deve preencher o registro Termo de Coleta de Amostra com todos os dados solicitados e encaminhar acompanhado da amostra para o nosso Laboratório.

 

A entrega dos resultados, estão estabelecidos nos seguintes prazos:

 

Para as espécies milho, sorgo, girassol, soja e gergelim: 10 dias úteis;

Para as espécies algodão, arroz, feijão, feijão caupi e mamona: 15 dias úteis.