Comitê Integrado apresenta soluções em tratamento d’água

3 de julho de 2012 - 13:55

Foram mostradas dois modelos de sistemas móveis para tratamento d’água. Um é de tecnologia israelense e outro de tecnologia brasileira

Na manhã de ontem (2) o Comitê Integrado de Combate à Seca se reuniu para discutir um conjunto de ações para amenizar os efeitos da estiagem no Ceará. A reunião foi conduzida pelo titular da Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA), Antônio Amorim.

O encontro focou as discussões na parte de segurança hídrica e alimentar dos sertanejos. O Grupo de Trabalho (GT) Segurança Hídrica apresentou alternativas para tratamento e uso d’água. Foram mostradas dois modelos de sistemas móveis para tratamento d’água, sendo um desenvolvido em Israel e já bastante utilizado naquele país. Outro, de tecnologia brasileira, desenvolvido e utilizado no Rio Grande do Sul.

Os equipamentos são compostos por dessalinizadores e purificadores d’água. A tecnologia israelense conta com uma unidade móvel de tratamento com vazão para até cinco mil litros d’água por hora, podendo atender uma comunidade com até 17 mil pessoas por dia, em situação de emergência. Em período normal esse mesmo equipamento pode atender uma comunidade de até 600 pessoas, garantindo abastecimento para consumo humano e animal, lavagem de roupa e pequena irrigação.

Já a tecnologia brasileira tem capacidade para tratar e purificar em torno de 15 mil litros d’água por hora, o que corresponde a dois carros pipas cheios. O sistema já é utilizado no Rio Grande do Sul e também apresenta vantagens devido ser fácil de transportá-lo de um local para o outro. Conforme discussões do comitê, os equipamentos se adequam bem às necessidades do Semiárido, pois são práticos e capazes de tratar qualquer tipo de água, removendo metais pesados e fazendo desinfecção da água.

O secretário Amorim solicitou que o GT Segurança Hídrica, formado pela Defesa Civil do Estado, Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), Companhia de Gerenciamento de Recursos Hídricos (Cogerh) e Superintendência de Obras Hidráulicas (Sohidra) estudasse a viabilidade das duas tecnologias para apresentá-las ao governador Cid Gomes. Amorim comentou que o governador é entusiasta com novas tecnologias e certamente irá se interessar pelo assunto.

Antônio Amorim ressaltou os avanços nas discussões do comitê e comentou que os Grupos de Trabalho têm essa função de estudar alternativas viáveis para amenização dos efeitos da seca. Ele comentou que na próximo encontro o GT de Segurança Alimentar vai discutir sobre bancos de sementes e tratar sobre o programa de distribuição de sementes Hora de Plantar e outros programas desenvolvidos no Ceará.

Garantia Safra

O titular da SDA, Antônio Amorim, informou também que a coordenação estadual do Garantia Safra já recebeu a folha de pagamento do benefício para 55 municípios do Estado. “O pagamento da primeira parcela inicia 18 de julho e estamos dando andamento em todo processo para que tenhamos a parcela extra paga neste mesmo mês”, destacou.

 

Assessoria de Comunicação da Secretaria do Desenvolvimento Agrário

Cícero Lacerda – estagiário de Jornalismo
cicero.lacerda@sda.ce.gov.brEste endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Lúcio Filho – (85) 3101.8105 | 8897.8510
lucio.filho@sda.ce.gov.brEste endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. | asscom@sda.ce.gov.brEste endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.
Twitter: @ImprensaSDA